NÃO, EU NÃO DEVERIA (7ª Canção de Tadeu)

Não, Eu Não Deveria
Não, eu não deveria
Me enganar, me iludir e sonhar…

A esperança de um dia ouvi-la
Dizer que me ama
Me faz suspirar!

Se o seu amor
Por mim renascesse…
Se o desejo em seus olhos
Voltasse a brilhar…

O seu grande amor
Novamente eu seria…
Não, eu não deveria
Me enganar, me iludir e sonhar…

O meu amor por você
É uma prece,
Que o coração
Não quer esquecer.
Mas, mergulhado
Neste frio mar de amargura,
Ainda sonho que um dia
Você possa me querer…

Não, eu não deveria
Me enganar, me iludir e sonhar…

Sisi Marques
24/05/2013

Obs.: Se você clicar no link “Não, Eu Não Deveria”, poderá ter uma ideia do ritmo da música.

About Sisi Marques

Adoro escrever e amo este blog. As histórias só florescem quando um coração generoso se abre para recebê-las. Quando não há alguém para ouvi-las, elas não desabrocham e morrem na terra do esquecimento. A sua audiência há de transformar este blog num imenso e perfumado jardim. Obrigada.
This entry was posted in CANÇÕES DE TADEU. Bookmark the permalink.

Leave a Reply